Arquivo mensal: dezembro 2013

Lopo Gonçalves, uma rua humana …

São só três quadras na R. Lopo Gonçalves, na Cidade Baixa, mas elas formam um ambiente único, com suas casas antigas e mini-casas. A rua é do final do séc. XIX, foi aberta entre 1884 e 1885, paralela a Rua Venezianos, hoje R. Joaquim Nabuco.
A Lopo cruza com ruas importantes como a João Alfredo, José do Patrocínio, Lima e Silva e João Pessoa, começando na João Pessoa e terminando na João Alfredo.

Ela liga duas tradicionais ruas de boemia em Porto Alegre, a João Alfredo e a Lima e Silva, com muitos bares e restaurantes no seu entorno, embora ela mesma seja mais residencial e muito tranquila. E se conecta diretamente ao Parque Farroupilha, a Redenção, uma grande área verde, com feirinha e brique nos fins de semana.

Ao lado, na R. João Alfredo, está o Solar Lopo Gonçalves, atual Museu de Porto Alegre.

Lopo Gonçalves Bastos nasceu em Braga, Portugal, em 1800 e faleceu em Porto Alegre, em 1872. Foi um comerciante e vereador luso-brasileiro. Foi fundador da Praça do Comércio (Associação Comercial) e também do Banco da Província do Rio Grande do Sul,

Realmente um lugar especial de Porto Alegre, onde a cidade antiga encontra uma cidade mais noturna e artística.

Fotos de Jorge Piqué, em 21 de dezembro de 2013, pela manhã.
Clique nas imagens para ampliar.

Mapa

1 mapa flopo gonçalves

Início da caminhada: R. João Alfredo
Os vários barzinhos da João Alfredo foram recentemente pintados e a noite os postes de iluminação antigos dão um clima de boemia.

IMG_5616

IMG_5617

Museu de Porto Alegre
IMG_5618

Recentemente o Museu e o Cidade Baixa em Alta  começaram uma série de picnics, que lotam o jardim nos fundos, aos sábados. Na foto o PICNIC SOLIDÁRIO – ROLLING STONES
IMG_5623

R. Lopo Gonçalves, na esquina com a R. João Alfredo.
IMG_5563

IMG_5566

Mini-casas e casas pequenas são características
Dizem que a casinha branca é a menor casa de Porto Alegre, notem que as duas portas são para duas casas diferentes, uma em cima, e a outra no térreo.

IMG_5557

IMG_5558

IMG_5559

Casa Geminada: moderna e tradicional
Na da esquerda, está a sede do Núcleo Urbanoide, coletivo de grafite em Porto Alegre.

IMG_5560

Na casa da esquerda, hoje funciona um restaurante japonês, o Hamadaya Sushi Bar.IMG_5561

Essa parte da rua tem muitas árvores, que no verão florescem.IMG_5562

IMG_5615

IMG_5564

 IMG_5567

IMG_5568

IMG_5569

IMG_5570

IMG_5571

Casa amarela, sede do GEEMPA, Grupo de Estudos Sobre Educação, Metodologia de Pesquisa e Ação.
.IMG_5572

IMG_5573

Travessa dos Venezianos, casas dos anos 30.
IMG_5613

A rua tem poucos prédios de apartamentos,
este deve ser um dos mais antigos.
IMG_5574

IMG_5576

Entre as pequenas casas, típicas da rua, também encontramos casas grandes.IMG_5575

Antiquário Ponto de Arte, que também faz leilões.
IMG_5577

Ao fundo, entre as duas casas, se vê na Rua José do Patrocínio, n.º 954, a Igreja Sagrada Família. Projeto de 1914 do arquiteto checo Josef Hrubý, e portanto é sua primeira igreja em Porto Alegre, onde foi responsável também pela Igreja Nossa Senhora da Glória e pela Igreja São Pedro.
IMG_5578

Detalhe da casa da direita, que tem esculturas na entrada.
IMG_5601

Casa antiga sendo restaurada.
Obs: infelizmente soubemos depois que só foi preservada a fachada e toda a casa foi derrubada.
IMG_5579

Escola de Arte e Dança Mahaila Adma
IMG_5598

IMG_5580

Abaixo, Disco Bar e pizzaria, bom ambiente para jantar na Lopo.
IMG_5581

IMG_5596

IMG_5582

MEME Santo de Casa Estação Cultural, centro cultural com bistrô, música ao vivo, apresentações e cursos.,

IMG_5583

IMG_5584

Fundação São João, na esquina da Lima e Silva com a Lopo Gonçalves.
IMG_5594

Muito grafite na Lopo, esquina com Lima e Silva.
IMG_5585

IMG_5593

IMG_5595

IMG_5586

Loja Matriz do Bazar Bahia, a mais tradicional casa de fogos de artifícios do Rio Grande do Sul, que tem mais de 50 anos.
IMG_5587

IMG_5592

IMG_5597

Também existem casas em péssimas condições.
IMG_5599

Alguns prédios de apartamento mais recentes.

IMG_5600

Restaurante Três Gurias, com buffet executivo.
IMG_5602

IMG_5603

IMG_5614

Livraria Sapere Aude! Livros antigos, novos e compra e venda
de livros usados, localizada no andar térreo do prédio da  Casa do Professor.
IMG_5588

IMG_5591

Fundação Ecarta, na esquina com a João Pessoa. é uma entidade instituída pelo Sindicato dos Professores do Ensino Privado do RS (Sinpro/RS). Trabalha com Educação, Cultura, Arte, Recreação, Tecnologia e Assistência. Ao lado está a Casa do Professor, também do Sinpro/RS.
IMG_5589

IMG_5590

E no Parque Farroupilha (Redenção) todos os fins de semana temos atividades.

No domingo, dia 22 de dezembro, o Cidade Baixa em Alta e o Núcleo Urbanoide realizaram uma sessão de grafite em bueiros e bocas de lobo na R. Lopo Gonçalves, o projeto Boca de Rua, trazendo mais arte para essa rua especial. UrbsNova participou do evento com um grafite. Veja o resultado do projeto nas fotos abaixo:

rosa mao formiga ByChambinho azul azul2

ByChambinho2 chaplin chaplin2 jorge rosa2

Passeio Independência no MUHM

No dia 4 de dezembro, às 19hs, o Grupo de Trabalho Passeio Independência, apresentou o projeto no Museu de História da Medicina do Rio Grande do Sul (MUHM). Agradecemos ao Diretor do Museu, Éverton Reis Quevedo, pela oportunidade de apresentar o projeto para a comunidade, em especial no MUHM, antigo prédio da Beneficência Portuguesa.

Após a apresentação o público fez várias perguntas e demonstrou vontade de participar, com sugestões e um maior envolvimento.

Veja o Projeto Passeio Independência

P1070691

Éverton Reis Quevedo, Diretor do MUHM.

P1070695

P1070686

Arq. Tais Lagranha Machado, da Urbana Arquitetura, do GT Passeio Independência.

P1070690

Jorge Piqué, pela UrbsNova, do GT Passeio Independência.
Foi lançada a caminhada pela Independência no dia 8 de dezembro, para coincidir com o Natal na Praça D. Sebastião, atividade que o MUHM apoia.

P1070692

Arq. Osório Queiroz, conselheiro da RP2, integra o GT Passeio Independência

P1070694

Marilia Costa, do movimento Reviver Independência, integra o GT Passeio Independência.

Passeio Independência no CMDUA

No dia 22 de outubro de 2013, o Grupo de Trabalho do Passeio Independência apresentou o projeto no Conselho Municipal de Desenvolvimento Urbano Ambiental (CMDUA).

1

Arq. Osório Queiroz Jr., conselheiro da Região de Planejamento 2, coordenador do Grupo de Trabalho do projeto dos Corredores Culturais, que depois de muitos estudos, e debates sobre os Corredores de Porto Alegre, recebeu o nome de “Passeio Independência”, lembrando que a Independência guarda parte importante da História de nossa cidade. Seria então “Uma caminhada pela História”.Os trabalhos foram abertos com a apresentação dos integrantes do GT.

3

Arq. Tais Lagranha, Urbana Arquitetura; “Criar unidade, que se torne “UM lugar” “UM todo” com características bem definidas que reflita a personalidade e identidade do bairro”.

2

4

Jorge Piqué, fundador da UrbsNova: “Conhecer o patrimônio histórico da Av. Independência, como retomada de sua identidade”.

5

Conselho Municipal de Desenvolvimento Urbano Ambiental (CMDUA), ouvindo a apresentação do Projeto Passeio Independência.

6

7

Arq. Lucas Volpatto, Studio 1 Arquitetura: “Inovação Social é enxergar a Independência como um lugar de estar, de viver, de comprar e ainda assim circular de carro. Isto é inovação”.