Arquivo mensal: fevereiro 2013

Arquivo Público do RS (APERS): Exposição e Visita Guiada | 100 Anos do Monumento a Julio de Castilhos

UrbsNova Porto Alegre | Barcelona

Cartaz da Comemoração 100 anos de Monumento a Julio de Castilhos | Foto: Vick Fichtner

Apoio

Viva o Centro a Pé | Museu de Arte do Rio Grande do Sul (MARGS) | Museu Júlio de Castilhos | Memorial do Palácio do Ministério Público | Arquivo Público do Estado do Rio Grande do Sul (APERS) | Assembleia Legislativa do Estado do Rio Grande do Sul / Solar dos CâmaraMemorial do Palácio da Justiça Museu de Porto Alegre Joaquim José FelizardoMuseu da Comunicação Hipólito José da Costa | Secretaria Municipal do Meio Ambiente | Arquivo Histórico do Rio Grande do Sul (AHERS)

Organização

UrbsNova Porto Alegre – Barcelona | Agência de Inovação Social
Visite e curta nossa page no facebook  – agenciaurbsnova@gmail.com

Arquivo Público do RS (APERS): Exposição e Visita Guiada

UrsbNova Porto Alegre – Barcelona organizou, juntamente com o Arquivo Público do Estado do Rio Grande do Sul (APERS), uma exposição sobre Julio de Castilhos e uma Visita Guiada a noite aos prédios do Arquivo Público, como parte da comemoração 100 Anos do Monumento a Júlo de Castilhos.
Veja a programação completa da comemoração

Programação no Arquivo Público

Queremos agradecer a Elizabeth Terezinha Martins de Lima, arquivista Chefe da Divisão de Documentação, por ter viabilizado todas as atividades do Arquivo Público, dentro da Comemoração 100 Anos do Monumento a Julio de Castilhos.

de 25 de janeiro a 5 de fevereiro:

– Mini exposição no Arquivo Público do Estado do Rio Grande do Sul (site oficial) de documentos relativos a Julio de Castilhos.
Local: Arquivo Público do Estado do Rio Grande do Sul , Rua Riachuelo, 1031.
O documento mais importante exposto foi o Inventário de Julio de Castilhos, de 1903.

IMG_5062

Processo Judicial: Inventário de Julio de Castilhos (1903)

Video sobre a mini-exposição (UrbsNova)

Dia 5 de fevereiro
21hs: Visita noturna ao Arquivo Público do Estado do Rio Grande do Sul (site oficial)
Guia: Carlos Henrique Armani Nery, agente administrativo do APERS.
Veja página do evento no facebook.

História: O primeiro prédio teve sua construção iniciada em 1910, mesma data de início da construção do monumento a Julio de Castilhos. O projeto era do arquiteto francês Maurice Gras e a execução de Affonso Hebert, então diretor da Seção de Obras Públicas, que também participou da construção do monumento. Sua primeira fase foi concluída em 5 de julho de 1912,

Projeto do Prédio I do Arquivo Público

Projeto do Prédio I do Arquivo Público

Em 1913, quando o monumento havia sido inaugurado, o governo do estado resolveu construir uma segunda ala do Arquivo Público, que só foi iniciada em 23 de janeiro de 1918,  com projeto do arquiteto Hebert e execução pelo empreiteiro Roberto Roncolli. Em 10 de junho de 1919 as obras foram concluídas.

Arquivo Público do Estado do Rio Grande do Sul - Prédio II | Foto Acervo APERS

Arquivo Público do Estado do Rio Grande do Sul – Prédio II | Foto Acervo APERS

Ambos os projetos, do Monumento e do Arquivo Histórico, revelam o projeto positivista de Borges de Medeiros, de criar e manter uma memória estadual para as futuras gerações, seja através da permanência do monumento público em homenagem a Julio de Castilhos, o fundador da República no Rio Grande do Sul, seja através da reunião e preservação da documentação criada no Estado e centralizada em um único local, na Capital.

“Para compreender a história do Arquivo Público do Rio Grande do Sul foi preciso acompanhar sua atuação como instituição pública, proposta de desenvolvimento e progresso da República Rio-grandense, inspirados nos ideais positivistas do início do século 20. No intuito de dotar a administração pública de uma repartição exclusiva para a guarda e preservação dos documentos da província referentes à administração pública, à história e à geografia do Rio Grande do Sul, o Presidente da Província, Borges de Medeiros, organizou um Arquivo Público Provincial, demonstrando a filosofia preservacionista do século 19. Correspondendo a uma necessidade, a instituição do Arquivo Público foi bem recebida pela “opinião pública”, sobretudo republicana. O funcionamento do Arquivo Público foi assinalado por uma série de transformações e pela adoção de medidas que traduziam os objetivos do poder político estadual” – Carmen Moreira Merlo

Segundo Merlo, o arquivo foi criado “para a guarda da memória administrativa pública, em simbolização e materialização dos objetivos do republicanismo positivo-castilhista.”

Local: Arquivo Público do Estado do Rio Grande do Sul , Rua Riachuelo, 1031.
Ponto de encontro: a entrada pela Praça da Matriz (Ver no Google Maps)
Inscrições por email: agenciaurbsnova@gmail.com

A entrada para esta visita noturna se deu pela escadaria que liga o Arquivo Público à Praça da Matriz, conforme se pode observar nas imagens abaixo.

Visita  Guiada ao Arquivo Público. Mapa da localização do ponto de encontro

Visita Guiada ao Arquivo Público. Mapa da localização do ponto de encontro

O Início das escadarias se encontram entre o Multipalco do Theatro São Pedro e a Assembleia Legislativa.

O Início das escadarias se encontram entre o Multipalco do Theatro São Pedro e a Assembleia Legislativa.

Descendo por esta escadaria, encontramos o Prédio I, o primeiro a ser construído, entre 1910 e 1912, exatamente o mesmo período em que o Monumento a Julio de Castilhos estava sendo construído na Praça da Matriz.

Escaderia e Prédio I do Arquivo Público

Escadaria e Prédio I do Arquivo Público

A visita começou às 21hs, quando já era noite, e fomos guiados por Carlos Henrique Armani Nery, agente administrativo do APERS..

Início da visita ao Arquivo Público | Foto: Eduíno de Mattos.

Início da visita ao Arquivo Público | Foto: Eduíno de Mattos.

Início da visita ao Arquivo Público

Prédio I do Arquivo Público | Foto: Eduíno de Mattos.

529168_564211203590264_1092535904_n

Entrada no pátio interno. Escadas do Prédio I| Foto: Eduíno de Mattos.
No pátio interno do arquivo público  | Foto: Eduíno de Mattos.

No pátio interno do arquivo público | Foto: Eduíno de Mattos.

Foto: Eduíno de Mattos.

Foto: Eduíno de Mattos.

Fomos até o auditório do Arquivo Público, onde tivemos uma apresentação em PowerPoint com informações básicas sobre a história e as funções dos prédios.

O Arquivo Público guarda toda a documentação do Estado do Rio Grande do Sul. Foram trazidos para a capital documentos de todas as cidades do Estado, para centralizar o acesso. O acervo do Arquivo Público do Estado do Rio Grande do Sul é constituído de documentos referentes aos Poder Judiciário, Poder Executivo, Tabelionatos, Registro Civil e Poder Legislativo.

É possível acessar via internet uma parte dos documentos:
http://www.apers.rs.gov.br/portal/index.php?menu=aap

Caso não encontre o que procura através da Internet, se pode solicitar o documento pelo Balcão Virtual:
http://www.apers.rs.gov.br/portal/index.php?menu=balcao

Entre os documentos famosos estão guardados lá o processo crime sobre o caso Maria Degolada e sobre a Revolta dos  Muckers.

Foto: Jorge Piqué

Foto: Jorge Piqué

Foto: Eduíno de Mattos.

Foto: Eduíno de Mattos.

Foto: Eduíno de Mattos.

Foto: Eduíno de Mattos.

Foto: Eduíno de Mattos.

Foto: Eduíno de Mattos.

Nos dirigimos depois para o Prédio II

Entrada no Prédio II

Entrada no Prédio II | Foto: Jorge Piqué

IMG_5088

Visita ao Prédio II | Foto: Jorge Piqué.

IMG_5094

Visita ao Prédio II | Foto: Jorge Piqué.

IMG_5098

Visita ao Prédio II | Foto: Jorge Piqué.

IMG_5097

Documentos em maços, no sistema antigo de arquivamento | Foto: Jorge Piqué.

Visita guiada ao Arquivo Público do RS | Foto Eduino de Mattos

Visita ao Prédio II | Foto Eduino de Mattos

Visita guiada ao Arquivo Público do RS | Foto Jorge Piqué

Visita guiada ao Arquivo Público do RS | Foto Jorge Piqué
Visita guiada ao Arquivo Público do RS | Foto Eduino de Mattos

Visita guiada ao Arquivo Público do RS | Foto Eduino de Mattos

526613_564201940257857_1626331448_n

Sitema antigo de arquivamento, em maços | Foto Eduíno de Matos

Visita guiada ao Arquivo Público do RS | Foto Jacqueline

Visita guiada ao Arquivo Público do RS | Foto Jacqueline Custódio

Visita guiada ao Arquivo Público do RS | Foto Jacqueline

Visita guiada ao Arquivo Público do RS | Foto Jacqueline Custódio

Visita guiada ao Arquivo Público do RS

Visita guiada ao Arquivo Público do RS | Foto Jacqueline Custódio

Visita guiada ao Arquivo Público do RS | Foto Jacqueline

Visita guiada ao Arquivo Público do RS | Foto Jacqueline Custódio

Visita guiada ao Arquivo Público do RS | Foto Jacqueline

Visita guiada ao Arquivo Público do RS | Foto Jacqueline Custódio
Ssitema moderno:  documentos em caixas | Foto: Eduíno de Mattos.

Sitema moderno: documentos em caixas | Foto: Eduíno de Mattos.

Escadas internas e piso de ferro | Foto: Eduíno de Mattos.

Escadas internas e piso de ferro entre os andares | Foto: Eduíno de Mattos.

IMG_5096

Sala Borges de Medeiros | Foto: Eduíno de Mattos.

Sala Borges de Medeiros | Foto: Eduíno de Mattos.

Sala Borges de Medeiros | Foto: Eduíno de Mattos.

Sala Borges de Medeiros | Foto: Eduíno de Mattos.

Prédio I, o mais antigo | Foto: Eduíno de Mattos.

Prédio I, o mais antigo | Foto: Eduíno de Mattos.
Visita Arquivo Público

Prédio I, o mais antigo | Foto: Jacqueline Custódio

46735_564202123591172_1488980273_n

Sala de leitura, onde os vistantes podem acessar os documentos | Foto: Eduíno de Mattos.

Visita Noturna

Documentos manuscritos do final do séc. XIX | Foto: Eduíno de Mattos.

382227_564202536924464_362028988_n

Detalhe externo | Foto: Eduíno de Mattos.

531924_564197833591601_226864242_n

Rosácea da escadaria de acesso pela Praça da Matriz | Foto: Eduíno de Mattos.

Visita a parte interna da escadaria de acesso à Praça da Matriz
Dentro da escadaria existe uma escada que leva ao acesso de um tunel que corre sobre toda a extenção do Prédio I.

IMG_5101

Carlos Henrique Armani Nery, agente administrativo do APERS.

558109_10151273876271569_1553974094_n

Uma câmara fechada dendro da escadaria

578175_564200043591380_1502457158_n

Escada que leva ao acesso ao tunel, a direita se vê a rosácea que aparece em uma foto anterior.

404864_10151273877311569_41060260_n

Parte mais alta do interior da escadaria, a direita se encontra o acesso ao tunel.

379742_10151273877811569_729389331_n

tunel no teto do Prédio I

149442_10151274564846569_1615524703_n

Localização do tunel que se extendo ao longo de todo o Prédio I

Divulgação da Visita Noturna no Jornal Metro de Porto Alegre (05/01/2013)

metro_dia5

Arquivo Público & Ateliê da Oca: Educação Patrimonial | 100 Anos do Monumento a Julio de Castilhos

UrbsNova Porto Alegre | Barcelona

Cartaz da Comemoração 100 anos de Monumento a Julio de Castilhos | Foto: Vick Fichtner

Apoio

Viva o Centro a Pé | Museu de Arte do Rio Grande do Sul (MARGS) | Museu Júlio de Castilhos | Memorial do Palácio do Ministério Público | Arquivo Público do Estado do Rio Grande do Sul (APERS) | Assembleia Legislativa do Estado do Rio Grande do Sul / Solar dos CâmaraMemorial do Palácio da Justiça Museu de Porto Alegre Joaquim José FelizardoMuseu da Comunicação Hipólito José da Costa | Secretaria Municipal do Meio Ambiente | Arquivo Histórico do Rio Grande do Sul (AHERS)

Organização

UrbsNova Porto Alegre – Barcelona | Agência de Inovação Social
Visite e curta nossa page no facebook  – agenciaurbsnova@gmail.com

Arquivo Público & Ateliê da Oca: Educação Patrimonial

UrsbNova Porto Alegre – Barcelona, juntamente com o Ateliê da Oca – Atelier e Escola de Artes organizou  uma atividade de educação patrimonial, com o apoio do Arquivo Público do Estado do Rio Grande do Sul (APERS), que cedeu especialmente a Sala Borges de Medeiros para essa finalidade, como parte da comemoração 100 Anos do Monumento a Júlo de Castilhos.
Veja a programação completa da comemoração

Crianças com idade aproximada entre 7 e 14 anos foram convidadas a ir ao Arquivo Público, onde viram fotos dos detalhes do monumento e conheceram um pouco de sua simbologia.
Foi uma atividade preparatória para o evento Criança Faz Arte na Praça, em seguida, onde as crianças foram incentivadas a desenhar e pintar, se inspirando no monumento a Julio de Castilhos, que tinham em frente, na Praça da Matriz.

Programação no Arquivo Público

Dia 25 de janeiro de 2013

– 17:30-18:00: atividades de educação patrimonial com crianças no Arquivo Público do Estado do Rio Grande do Sul (APERS).
Local: Sala Borges de Medeiro, Arquivo Público do Estado do Rio Grande do Sul (APERS)
Organiza: Ateliê da Oca – Atelier e Escola de Artes
Organizou as atividades, pelo Ateliê da Oca, Anelore Schumann
Trabalhou como voluntária, pela UrbsNova, Emilia Xavier Londero

Fotos da atividade na Sala Borges de Medeiros 

148373_473224149401647_1701155619_n

Descendo as escadarias do Arquivo Público com as crianças e seus pais. Foto:

75876_473224226068306_1961426096_n

Entrando no Prédio II do Arquivo Público

6113_473224282734967_292916653_n

Na Sala Borges de Medeiros, onde as crianças viram fotos do Monumento a Júlio de Castilhos. Foto:

75038_473224476068281_1014742552_n

Sala Borges de Medeiros. Foto:

148726_473224479401614_13433267_n

IMG_1024

Sala Borges de Medeiros | Foto Emilia Xavier Londero

IMG_1025

Foto Emilia Xavier Londero

IMG_1026

Foto Emilia Xavier Londero

IMG_1028

Foto Emilia Xavier Londero

IMG_1029

Foto Emilia Xavier Londero

IMG_1032

Foto Emilia Xavier Londero

IMG_1034

Foto Emilia Xavier Londero

Fotos do Monumento a Julio de Castilhos

Fotos do Monumento a Julio de Castilhos | Foto Emilia Xavier Londero

IMG_1036

Foto Emilia Xavier Londero

IMG_1037

Foto Emilia Xavier Londero

IMG_1038

Foto Emilia Xavier Londero

Museu Julio de Castilhos: Palestra | 100 Anos do Monumento a Julio de Castilhos

UrbsNova Porto Alegre | Barcelona

Cartaz da Comemoração 100 anos de Monumento a Julio de Castilhos | Foto: Vick Fichtner

Apoio

Viva o Centro a Pé | Museu de Arte do Rio Grande do Sul (MARGS) | Museu Júlio de Castilhos | Memorial do Palácio do Ministério Público | Arquivo Público do Estado do Rio Grande do Sul (APERS) | Assembleia Legislativa do Estado do Rio Grande do Sul / Solar dos CâmaraMemorial do Palácio da Justiça Museu de Porto Alegre Joaquim José FelizardoMuseu da Comunicação Hipólito José da Costa | Secretaria Municipal do Meio Ambiente | Arquivo Histórico do Rio Grande do Sul (AHERS)

Organização

UrbsNova Porto Alegre – Barcelona | Agência de Inovação Social
Visite e curta nossa page no facebook  – agenciaurbsnova@gmail.com

Museu Julio de Castilhos: Palestra sobre Julio de Castilhos

UrsbNova Porto Alegre – Barcelona, juntamente com o  Museu Júlio de Castilhos, organizou  uma palestra para contextualizar historicamente a figura de Julio de Castilhos, como parte da comemoração 100 Anos do Monumento a Júlo de Castilhos.
Veja a programação completa da comemoração

Programação no Museu Julio de Castilhos

Dia 25 de janeiro de 2013

17:30 Palestra “Julio de Castilho e seu Contexto Histórico”, por Gabriel Castello Costa, historiador do Museu Julio de Castilhos (site oficial)
Local: Auditório do Museu Julio de Castilho. Rua Duque de Caxias, 1205.
Aproveite e chegue antes para conhecer o espaço dedicado a Julio de Castilhos no Museu.

Matéria no blog do Museu Julio de Castilhos sobre a palestra

Museu Julio de Castilhos no Facebook

Imagem do Museu em homenagem aos 100 Anos do Monumento

Fotos da palestra no auditório do museu.
Fotos de Gabriela Konrad, historiadora  do MJC.
O busto de Julio de Castilhos foi colocado no auditório especialmente para a palestra.

SAM_2214

SAM_2210

SAM_2209

SAM_2211  SAM_2216

Casa que pertenceu a Julio de Castilhos, tranformada no Museu Julio de Castilhos após sua morte. O ano de 2013 marca também os 110 Anos do Museu Julio de Castilhos.

Quarto de Julio de Castilhos no museu

Quarto de Julio de Castilhos

Quarto de Julio de Castilhos

Divulgação

Divulgação da palestra no Blog anacarolinapontolivre (24/01/2013)

Divulgação da palestra no site Feest

Divulgação no site Jus Brasil

Divulgação da palestra em Zero-Hora Online (25/01/2013)

zerohora

Divulgação da palestra no site Porto Alegre Trevel   (clique na imagem para ler)

Matéria no site Porto Alegre Travel, da Sec. de Turismo

Matéria no site Porto Alegre Travel, da Sec. de Turismo

Solar dos Câmara: Exposição Fotográfica e Visita Guiada | 100 Anos do Monumento a Júlio de Castilhos

UrbsNova Porto Alegre | Barcelona

Cartaz da Comemoração 100 anos de Monumento a Julio de Castilhos | Foto: Vick Fichtner

Apoio

Viva o Centro a Pé | Museu de Arte do Rio Grande do Sul (MARGS) | Museu Júlio de Castilhos | Memorial do Palácio do Ministério Público | Arquivo Público do Estado do Rio Grande do Sul (APERS) | Assembleia Legislativa do Estado do Rio Grande do Sul / Solar dos CâmaraMemorial do Palácio da Justiça Museu de Porto Alegre Joaquim José FelizardoMuseu da Comunicação Hipólito José da Costa | Secretaria Municipal do Meio Ambiente | Arquivo Histórico do Rio Grande do Sul (AHERS)

Organização

UrbsNova Porto Alegre – Barcelona | Agência de Inovação Social
Visite e curta nossa page no facebook  – agenciaurbsnova@gmail.com

Solar dos Câmara: Exposição Fotográfica e Visita Guiada

UrsbNova Porto Alegre – Barcelona, com o apoio da Divisão de Promoções Culturais da Assembleia Legislativa, organizou no Solar dos Câmara uma exposição fotográfica de fotos antigas do Monumento a Júlio de Castilhos e uma visita guiada  ao Solar dos Câmara, a residência mais antiga conservada em Porto Alegre, como parte da comemoração 100 Anos do Monumento a Júlo de Castilhos.
Veja a programação completa da comemoração

Programação no Solar dos Câmara

Dia 25 de janeiro de 2013

Abertura da exposição fotográfica “Um Monumento de 100 Anos: Fotografias antigas do Monumento a Júlio de Castilhos”
Local: Sala JB Scalco, Solar dos Câmara.
De 25 de janeiro a 15 de fevereiro de 2013.
Impressão das fotos: Sul Fotos Impressões Fotográficas

Cartazes da exposição (clique para ampliar)

Cartaz da exposição (clique para ampliar)

Cartaz da exposição (clique para ampliar)

Exposição_Julio_Castilhos-Cartaz-Verso

Notícia no blog do Departamento de Produções Culturais

Zero-Hora Digital (24/01/2013): Mostra reúne fotografias do monumento a Júlio de Castilhos

Divulgação no Jornal do Comércio (25/01/2013)      (clique para ampliar)

exposição_solar

Divulgação no Jornal Zero-Hora (25/01/2013)  (clique para ampliar)

zerohora

Matéria no Programa do Roger (TVCOM), dia 25 de janeiro de 2013.

rogerjpg

Fotos da abertura da exposição, dia 25 de janeiro de 2013.

Abertura da exposição no Solar dos Câmara

Abertura da exposição no Solar dos Câmara | Foto: Jorge Piqué

Abertura da exposição no Solar dos Câmara | Foto: Jorge Piqué

Abertura da exposição no Solar dos Câmara | Foto: Jorge Piqué

Abertura da exposição no Solar dos Câmara | Foto: Jorge Piqué

Abertura da exposição no Solar dos Câmara | Foto: Jorge Piqué

Abertura da exposição no Solar dos Câmara | Foto: Jorge Piqué

Abertura da exposição no Solar dos Câmara | Foto: Jorge Piqué

Matéria na Rádio Assembleia:
Sala JB Scalco recebe exposição em homenagem aos 100 anos do Monumento a Júlio de Castilhos

Video sobre a exposição no Solar dos Câmara:

Visita guiada ao Solar dos Câmara
duração 45 minutos, número máximo de pessoas: 30
É necessária inscrição prévia através do email agenciaurbsnova@gmail.com.
Ponto de encontro: Entrada principal da Assembleia Legislativa, na Recepção (praça Marechal Deodoro, 101.
Esteve presente José Francisco Alves, que no mesmo dia fez a apresentação do Monumento a Júlio de Castilhos, ma Praça da Matriz.

Fotos da visita guiada

Visita guiada ao Solar dos Câmara | Foto: Jorge Piqué

Visita guiada ao Solar dos Câmara | Foto: Jorge Piqué

Visita guiada ao Solar dos Câmara | Foto: Jorge Piqué

Visita guiada ao Solar dos Câmara | Foto: Jorge Piqué

Visita guiada ao Solar dos Câmara | Foto: Jorge Piqué

Visita guiada ao Solar dos Câmara | Foto: Jorge Piqué

Bosto de Gaspar Silveira Martins, o principal inimigo de Júlio de Castilhos. Visita guiada ao Solar dos Câmara | Foto: Jorge Piqué

Busto de Gaspar Silveira Martins, o principal inimigo de Júlio de Castilhos. Visita guiada ao Solar dos Câmara | Foto: Jorge Piqué

Visita guiada ao Solar dos Câmara | Foto: Jorge Piqué

Visita guiada ao Solar dos Câmara | Foto: Jorge Piqué

Visita guiada ao Solar dos Câmara | Foto: Jorge Piqué

Visita guiada ao Solar dos Câmara | Foto: Jorge Piqué

Visita guiada ao Solar dos Câmara | Foto: Jorge Piqué

Visita guiada ao Solar dos Câmara | Foto: Jorge Piqué

Visita guiada ao Solar dos Câmara | Foto: Jorge Piqué

Visita guiada ao Solar dos Câmara | Foto: Jorge Piqué

Visita guiada ao Solar dos Câmara | Foto: Jorge Piqué

Visita guiada ao Solar dos Câmara | Foto: Jorge Piqué

Visita guiada ao Solar dos Câmara | Foto: Jorge Piqué

Visita guiada ao Solar dos Câmara | Foto: Jorge Piqué

UrbsNova | Agência de Inovação Social
Visite e curta nossa page no facebook

Memorial do Ministério Público: Palestra sobre Patrimônio Cultural | 100 Anos do Monumento a Júlio de Castilhos

UrbsNova Porto Alegre | Barcelona

Cartaz da Comemoração 100 anos de Monumento a Julio de Castilhos | Foto: Vick Fichtner

Apoio

Viva o Centro a Pé | Museu de Arte do Rio Grande do Sul (MARGS) | Museu Júlio de Castilhos | Memorial do Palácio do Ministério Público | Arquivo Público do Estado do Rio Grande do Sul (APERS) | Assembleia Legislativa do Estado do Rio Grande do Sul / Solar dos CâmaraMemorial do Palácio da Justiça Museu de Porto Alegre Joaquim José FelizardoMuseu da Comunicação Hipólito José da Costa | Secretaria Municipal do Meio Ambiente | Arquivo Histórico do Rio Grande do Sul (AHERS)

Organização

UrbsNova Porto Alegre – Barcelona | Agência de Inovação Social
Visite e curta nossa page no facebook  – agenciaurbsnova@gmail.com

Memorial do Ministério Público: Palestra sobre Patrimônio Cultural

UrsbNova Porto Alegre – Barcelona, com o apoio do Memorial do Ministério Público do Rio Grande do Sul, organizou no Palácio do Ministério Público uma palestra sobre a ação do Ministério Público na questão da defesa do Patrimônio Cultural, como parte da comemoração 100 Anos do Monumento a Júlo de Castilhos.
Veja a programação completa da comemoração

Programação no Memorial do Ministério Público

Dia 25 de janeiro de 2013

– 18 hs Palestra “O Ministério Público e a Defesa do Patrimônio Cultural”
Local: Palácio do Ministério Público, Praça Marechal Deodoro, 110,
Organiza: Memorial do Ministério Público
Apresenta: Drª Isabel Barrios Bidigaray, Promotora de Justiça.

Notícia sobre a comemoração no site Jus Brasil: Palácio do MP participa da comemoração do Centenário do Monumento a Júlio de Castilhos      (25/01/2013)

Notícia sobre a comemoração no site do Ministério Público: Instituição participa de atividades que marcam os cem anos do Monumento a Júlio de Castilhos     (28/01/2013)

Fotos da palestra ministrada pela Drª Isabel Barrios Bidigaray no Memorial do Ministério Público. Logo após, em frente ao Memorial, houve a apresentação da história e simbologia do monumento a Julio de Castilhos na Praça da Matriz. (Fotos: Acervo Memorial do Ministério Público)

007 017 021 023 025 030 035 038 041

Ressaltamos que o próprio Palácio é um importante prédio histórico de Porto Alegre. A construção da futura Assembleia Legislativa Provincial começou em 1857. Entretanto, essa não foi a utilização dada, pois o Palácio foi concluído apenas em 1871 e a Assembleia decidiu continuar no seu antigo prédio na R. Duque de Caxias. Com a proclamação da República, Julio de Castilhos como governador do Estado, fixou ali a sede provisória do governo e também a sua residência, enquanto não se concluia a construção do Palácio Piratini, que a partir de 1921 passaria a ser a sede definitiva do Governo do Estado. Por esse motivo, o prédio se denominou primeiramente de Palácio Provisório.

O Palácio Provisório - 1898

O Palácio Provisório em 1898

Portanto, o Palácio Provisório foi o palco da ação de Julio de Castilhos e de seus sucessores, Carlos Barbosa Gonçalves e Borges de Medeiros. Foi ali que Borges de Medeiros tomou posse em 25 de janeiro de 1913 e de onde saiu a pé no mesmo dia, às 4 horas da tarde, para inaugurar o Monumento a Julio de Castilhos. O prédio, portanto é, dentre os que estão na Praça da Matriz, o que mais vínculos históricos tem com Julio de Castilhos e o Monumento.

Foto-Inauguração Matriz Acervo Assembleia Legislativa RS pequena

Em 1963, apesar de definida a demolição do prédio pelo Governo do Estado, ele passou a ser ocupado por órgãos da Secretaria do Interior e da Justiça, os quais foram substituídos por setores do Tribunal de Justiça. Em 1982 o prédio foi tombado e em 1998  devolvido pelo Poder Judiciário ao Poder Executivo, que transferiu o direito de uso e ocupação para o Ministério Público do Rio Grande do Sul. De 1999 a 2002 foi restaurado e finalmente inaugurado com o nome de Palácio do Ministério Público e como sede do Memorial do Ministério Público.

Essa relação histórica do prédio com a figura política de Julio de Castilhos propiciou que logo após a inauguração do Memorial do Ministério Público fosse realizado ali, em outubro de 2003, o Seminário Internacional Raízes centenárias: o legado de Julio de Castilhos, aproveitando a data simbólica dos 100 anos do seu falecimento, em 24 de outubro de 1903. Com este seminário “pretendeu-se estabelecer um fórum de debates sobre Julio de Castilhos, sua época e seu legado para os pósteros, à luz tanto de interpretações já clássicas quanto das novas pesquisas produzidas por diligentes pesquisadores.” (Introdução, pág. 11. In: Julio de Castilhos e o paradoxo republicano. 2005)

Em 2005, como conseqüência do seminário, o Memorial do Ministério Público participou na publicação do livro Julio de Castilhos e o Paradoxo Republicano.

5319_640_480__livro_julio

Portanto, a participação do Memorial do Ministério Público na comemoração 100 Anos do Monumento a Júlo de Castilhos, em 2013, segue uma linha coerente, que evidencia a relação do Palácio e do Memorial com a história do Rio Grande do Sul.

História do Palácio | Cronologia

Concurso Fotográfico 100 Anos do Monumento a Júlio de Castilhos

Cartaz da Comemoração 100 anos de Monumento a Julio de Castilhos | Foto: Vick Fichtner

Cartaz da Comemoração 100 anos de Monumento a Julio de Castilhos | Foto: Vick Fichtner

Visite a página da Comemoração:
Comemoração 100 Anos do Monumento a Júlio de Castilhos

Como parte da comemoração organizamos um concurso de fotos do Monumento a Júlio de Castilhos. A ideia era aumentar a participação das pessoas em torno da comemoração. Por essa razão, o mais imporntante não era tanto a qualidade artística das fotos, mas como as fotos podiam criar uma maior conexão com o evento real na Praça da Matriz, no dia 25 de janeiro de 2013.

Por isso era obrigatório que as fotografias fossem tiradas no mesmo dia da comemoração de 100 anos, e não fotos tiradas anteriormente, sem relação com essa comemoração, embora tivessem qualidade artística. Todas as fotos foram postadas no evento do Facebook sobre a comemoração.

Além disso, propomos um “concurso fotográfico”. Mas, novamente, o mais importante era a participação das pessoas que estiveram no evento. Por isso, em lugar de um juri especializado, estabelecemos que as fotos mais curtidas no Facebook seriam premiadas em primeiro, segundo e terceiro lugar. Privilegiamos, portanto, um juri popular informal. Assim, as próprias curtidas no facebook divulgariam as fotos e, em consequência, a comemoração dos 100 anos.

O concurso fotográfico, portanto, tem mais esse objetivo, a divulgação de nosso mais importante monumento público, que passa despercebido pela população, do que avaliar qual realmente foi a foto mais bonita. Todas cumpriram com seu papel. Foram mais pontuadas as fotos que, por alguma razão, atingiram mais as pessoas que visitaram a página da comemoração.

Além de premiar as três fotos mais votadas, demos menção honrosa a algumas fotos que se destacaram.

Agradecemos a todos os participaram desse evento dentro da Comemoração, seja fotografando, seja votando nas fotos do Monumento a Júlio de Castilhos.

Clique na imagem para ver a foto em alta-definição.
As fotos apresentam os nomes dos autores e não podem ser divulgadas sem os créditos de autoria.

Primeiro Lugar: Jane Rosana Cassol Primeiro lugar


Segundo Lugar: Jane Rosana Cassol

Segundo lugar

Terceiro Lugar: Francisco R. O. Cabreira

Terceiro Lugar

Menção Honrosa: Eduino de Mattos

Menção honrosa - Eduino de Mattos

Menção Honrosa: Sonia Hammermuller

Menção honrosa - Sonia Hammermuller

Menção Honrosa: Jane Rosana Cassol

Menção honrosa - Jane Rosana Cassol

Menção Honrosa: Neusa Lehugeur

Menção honrosa - Neusa Lehugeur

UrbsNova | Agência de Inovação Social
Visite e curta nossa page no facebook